Especialistas indicam vantagens e desvantagens de um ecommerce.

Na preparação para o Natal, dois consultores mostram as vantagens e as desvantagens de se ter uma loja virtual. Sandro Ivo Pionkopviski tem 20 anos de experiência no mercado digital e Andre Luis Soares Pereira é especialista em franquias.

Vantagens:

– O ecommerce cresceu mais de 20% no acumulado dos últimos dois anos. Em 2017, espera crescer de 10% a 11%. Outra referência é que no primeiro semestre de 2017 comparado com o primeiro semestre de 2016 foram injetados mais de 10% de novos consumidores nesse mercado.

– Não há barreira de entrada. Você pode entrar com uma loja virtual pequena, entender seu negócio e depois fazer investimento para atingir números de busca de faturamento.

– Possibilidade de atingir novos consumidores, novas praças que até então o varejo físico não alcançava.

Desvantagens:

– A questão da logística. No mundo virtual, ela é muito importante, porque não adianta vender e não conseguir colocar o produto na casa do consumidor.

– Segurança das informações. É preciso tomar cuidado com clonagem, todo mundo virtual de hacker que acaba prejudicando o negócio.

– No Brasil, não há modelagem pré-definida e cada marca, principalmente no segmento de moda, tem um tipo de tamanho conceito. Então, às vezes, é possível que o consumidor compre um produto e fique desiludido quando receber o produto em casa.

Riback

Fale conosco:
Whatsapp: +55 21 99494-3013
Matriz: 21 3085-6408
Email: contato@riback.com.br
Site: www.riback.com.br